quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Iniciativa contra a poliomielite

Juliana Gomes

  Pela primeira vez na América Latina, um monumento arquitetônico receberá a iluminação do selo da campanha do Rotary Internacional contra a poliomielite.
  Após estampar em locais como em uma das Pirâmides do Egito, o Coliseu, em Roma, e o Big Ben, em Londres, já iluminados nesta campanha, a mensagem EndPolioNow (Elimine a Pólio Agora, em português) será projetada no sítio Arqueológico de São Miguel das missões às 20h de hoje.

   Numa iniciativa do Distrito 4660, que reúne clubes de 35 municípios gaúchos, o evento chega à região das missões para celebrar os progressos alcançados pelo Rotary no mundo contra a paralisia infantil e atrair novos voluntários para a campanha.
  - Diante da relevância histórica das Missões, acreditamos que a causa ganhará visibilidade e conquistará adeptos - afirma Marco Antônio Cortez, governador do Distrito 4660.
  A iniciativa da entidade conquistou a parceria da Fundação Bill e Melinda Gates, que doou US$ 355 milhões (cerca da R$ 640 milhões) e lançou o desafio para que os rotarianos de todo mundo arrecadassem US$ 200 milhões. Ao atingir o objetivo, a fundação do casa Gates doou mais US$ 50 milhões. Tudo será destinado ao financiamento de imunizações em países mais afetados pela doença.
  - Mesmo diante do sucesso da campanha, o trabalho do Rotary continuará até que a doença seja completamente erradicada - diz o governador do Distrito 4660.   

Saiba mais
  • A poliomielite é uma doença viral contagiosa que afeta crianças pequenas.
  • O vírus pode ser transmitido por meio de alimentos e da água contaminada. Ela causa paralisia e deformações pelo corpo.
  • Para ficar protegida, a criança deve receber a vacina oral aos dois, quatro e seis meses. Aos 15 meses, será feito o reforço, com a indicação de que seja imunizada sempre que houver campanha. 

FONTE: Zero Hora, 16.02.2012, p.43

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário: