terça-feira, 10 de maio de 2016

Ministério da Saúde assegura vacina contra a gripe para todo o público-alvo


Imunização - No primeiro dia da campanha, mais de 70% das doses já haviam sido enviadas aos Estados. Quem faz parte do grupo pode se vacinar até o dia 20 deste mês
por Portal Brasil
Publicado: 03/05/2016 07h00
          Última modificação: 03/05/2016   
               
   Quem faz parte do grupo pode se vacinar até o dia 20 deste mês

O Ministério da Saúde informa que não há falta de vacina para proteção do público prioritário na Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza deste ano. No primeiro dia da campanha, que começou no último sábado (30), os Estados brasileiros já haviam recebido 71% do total das doses que vão ser utilizadas no decorrer de toda a campanha, que vai até o dia 20 de maio. 
Foram adquiridas cerca de 54 milhões de doses da vacina para imunizar as 49,8 milhões de pessoas que fazem parte do público-alvo da campanha. O excedente, que neste ano é de mais de 4 milhões de doses, é chamado de reserva técnica e faz parte da estratégia de vacinação.
Vale ressaltar que todos os anos o Ministério da Saúde recebe a vacina em etapas do laboratório produtor e, à medida que chegam, são distribuídas, imediatamente, aos Estados. É de responsabilidade dos Estados o envio aos municípios. Até o próximo dia 13 de maio, 100% das doses da vacina serão entregues aos Estados brasileiros. 
Até a última sexta-feira (29), o Ministério da Saúde disponibilizou às secretarias estaduais de saúde mais de 38 milhões de doses da vacina, o que corresponde a 71% do total de doses adquiridas para este ano. Desde o dia 1º de abril, o Ministério da Saúde iniciou o envio da vacina aos Estados, o que possibilitou a antecipação da campanha em diversos municípios. Com isso, muitos municípios já atingiram altas coberturas vacinais.  
O público-alvo da Campanha é composto pelos segmentos da população considerados de risco para complicações por gripe: pessoas a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade – o que inclui adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas– e os funcionários do sistema prisional. As pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis, que inclui pessoas com deficiências específicas, também devem se vacinar.
É importante reforçar que a alta procura pela vacinação é de extrema importância para a proteção de toda a população considerada de risco para complicações por gripe. A expectativa é que, neste ano, não haja necessidade de prorrogação da campanha, diferente do que ocorreu no ano passado, quando a campanha precisou ser prorrogada até setembro.
Total de público-alvo e doses da vacina por UF; Doses enviados pelo Ministério da Saúde aos Estados até o dia 29/04

UF
Total Público-alvo
Doses já enviadas até 29/04
%
Total de  doses para a Campanha 2016
RO
350.256
376.700
100%
376.700
AC
195.184
210.600
100%
210.600
AM
942.947
1.037.900
100%
1.037.900
RR
164.345
175.600
100%
175.600
PA
1.704.531
1.846.400
100%
1.846.400
AP
165.484
177.100
100%
177.100
TO
326.013
349.700
100%
349.700
NORTE
3.848760
4.174.000
100%
4.174.000
MA
1.529.100
1.023.090
63%
1.635.900
PI
732.193
490.070
63%
783.500
CE
2.017.553
1.356.710
63%
2.158.800
RN
776.019
523.780
63%
830.400
PB
946.103
635.220
63%
1.012.400
PE
2.095.962
1.401.780
63%
2.242.300
AL
699.104
468.220
63%
748.100
SE
454.675
308.390
63%
486.600
BA
3.268.957
2.187.890
63%
3.499.700
NORDESTE
12.519.666
8.395.150
63%
13.397.700
MG
4.932.010
3.396.930
64%
5.278.400
ES
849.659
585.870
64%
909.200
RJ
4.165.042
2.876.780
65%
4.456.600
SP
11.900.190
9.896.000
78%
12.733.200
SUDESTE
21.846.902
16.755.580
72%
23.377.400
PR
2.922.568
2.192.780
70%
3.128.400
SC
1.759.539
1.318.390
70%
1.885.300
RS
3.574.750
2.686.030
70%
3.824.500
SUL
8.256.857
6.197.200
70%
8.838.200
MS
667.922
504.990
70%
722.200
MT
698.212
522.500
70%
750.000
GO
1.433.414
1.070.210
70%
1.533.800
DF
609.105
463.720
71%
651.800
C.OESTE
3.408.653
2.561.420
70%
3.657.800
BRASIL
49.880.838
38.083.350
71%
53.445.100
 Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário: